Estou em férias ou estou de férias?

 

É  errado dizer que estou DE férias?

N.M.

 

A  pergunta que dá  título a este   texto  foi enviada por uma  leitora do blog logo após  eu   ter publicado um  tema  sugerido  por  outro  leitor. É raro eu publicar  a coluna Qual é a dúvida? na mesma semana,  mas decidi  fazê-lo, pois   há algum tempo não havia participação dos leitores.  No mesmo  momento, enviei a  resposta à  minha leitora, com a promessa de que sua  pergunta seria  publicada  hoje.

N.M.,  não é uma questão de certo ou  errado, mas de norma e  uso da  língua. Gramaticalmente, o adequado seria dizermos “estou em  férias”, como  é pedido pela  regência do  verbo estar; no entanto, a   forma  popular “estou de  férias” é a mais  difundida e  não  cabe aqui tacharmos de  erro e, sim, de  português  não  padrão.

 

Vejamos por que parece mais  adequado dizer “estou em  férias”:

 

praia

O professor  Celso Pedro Luft apresenta, em seu Dicionário de Regência  Verbal, diversos  sentidos do  verbo estar e, entre eles, a seguinte observação:

ESTAR. Achar-se ou encontrar-se transitoriamente (em  certas condições): Ele está doente, gripado (ou  com  gripe),  nervoso, febril (ou  com  febre). Estar em  perigo.

 

Para  responder à pergunta de nossa leitora, considerei que  férias  são  um evento temporário, portanto a preposição mais adequada seria EM.  É sempre  bom lembrar que a língua evolui diariamente apesar da cara feia dos  puristas. Não nos cabe julgar ou condenar  quem preferir “sair de férias”, já que  o uso registrado  nas  gramáticas – o chamado português padrão –  é apenas uma das variedades da língua portuguesa.  Recomendo a leitura da crônica Entrando de férias, originalmente publicada no jornal Estado de  São Paulo em  maio de  2000.

 

Leia  também  no  Conversa de Português:

A língua de Eulália

Compartilhe! Divulgue!

Andréa Motta

Professora de Língua Portuguesa e Literatura. Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro.

Comentários

  1. Olá Andréa! Quanto tempo…
    Adorei essa postagem. Agora ficou mais claro pra mim, essa questão de Estar de férias, ou Estar em férias. Mesmo que chegássemos a cem anos de idade, continuaríamos a ter muitas dúvidas em se tratando da nossa amada língua portuguesa.
    Ps: Agora você pode ir trabalhar mais tranquila. O pessoal resolveu nos dar um pouco de paz, não é?

    Abraços fraternos.

  2. “…férias SÃO UM evento temporário…”.
    Do seu texto, também percebi o sentimento de que, não importa a quantidade de dias EM férias, vai sempre parecer UM dia só!
    Talvez seja tema para um próximo post.
    Obrigado.

    A propósito, hoje é meu primeiro dia das férias.
    Abraço.