Hoje é 10 ou hoje são 10? A concordância do verbo ser

Há  algum tempo,  escrevi  aqui  no  CP o  texto  Havia maçãs ou  haviam maçãs  a concordância do  verbo HAVER. Dúvida semelhante àquela ocorre com a concordância do  verbo  SER em  construções como  a que intitula este post.

O  verbo ser merece atenção  especial quando  falamos  de concordância verbal, já que  há casos em que ele concorda não com o sujeito  da oração – como  determina a regra geral -, mas com  predicativo do sujeito; e há casos em que  pode concordar tanto  com  o  sujeito  quanto  o  predicativo.

Vejamos  alguns casos de concordância com o verbo SER:

1. Quando  indica tempo, o verbo  ser  concorda com o   numeral  expresso  no  predicativo:

São três horas da tarde.

são mais de quinze horas.

Hoje são dez de setembro de 2011.

Nas indicações de data,   quando  a palavra dia  antecede o  numeral, o   verbo  permanece no singular, pois concordará com essa palavra e não  com o  numeral: Hoje é dia dez de setembro de 2011

2. Quando  o  sujeito da oração é formado por  expressões que indicam quantidade,  preço, valor, medida, o verbo  ser  permanece na terceira pessoa do singular.

Cinquenta reais é  um valor razoável por este tecido?

3. Quando a oração contiver um pronome pessoal, na função de sujeito ou de  predicativo,  o   verbo ser concordará com  o  pronome.

Eu sou a responsável pela  exposição.

A responsável pela exposição sou eu.

4. Quando o  verbo ser aparece entre um sujeito cujo núcleo  é  um substantivo comum singular e um predicativo cujo  núcleo é  um substantivo comum plural, costuma-se concordar o verbo com o predicativo.

Meu  maior orgulho são meus filhos.

Andréa Motta

Professora de Língua Portuguesa e Literatura no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro. Professora voluntária de Língua Portuguesa e Redação no Pré-vestibular Comunitário Padre José Maurício Nunes Garcia.

Comentários

  1. Fui copiar o texto para para fundamentar a minha opinião, junto a um colega, sobre a dúvida em questão, não foi permitida – para minha surpresa. É fundamental a liberdade de conteúdo para a contribuição da própria cultura.

    1. Flávio, a decisão sobre o bloqueio ou não das cópias é minha como administradora do blog. Você ainda tem a opção de encaminhar o link do texto para o seu colega. Obrigada pela visita.

  2. Andréa Mota, uma dúvida: Hoje são 10 de setembro, é o correto mesmo? A dúvida é que no dia a dia usam: Hoje é 10 de setembro…… responda por favor, obrigada

  3. Se eu pergunto ‘que dia é hoje?’, a resposta não deveria concordar com o tempo do verbo da pergunta? ‘Hoje é (dia) 14.

    1. Joel, como você leu no texto, “quando indica tempo, o verbo ser concorda com o numeral expresso no predicativo”. Além disso, a palavra que você destacou entre parênteses é um substantivo, cuja concordância está explicada em outro trecho: “quando a palavra dia antecede o numeral, o verbo permanece no singular, pois concordará com essa palavra e não com o numeral”. Obrigada pela visita ao blog!

  4. Ok, Andréa. Gostei da explicação, pois sempre soube da diferença, porém explicava de um jeito diferente. Agora tenho as palavras certas para ajudar meus amigos, que tenham a dúvida.
    Um abraço.