Sobre o autor – Francisca Júlia

 

  A coluna  Sobre  o autor  consiste na  apresentação de uma breve  biografia de   autores consagrados e    obras   já  consideradas  de  domínio público (aquelas   cujos  autores  são  falecidos há, pelo menos, 70 anos)”.  A  autora  de  hoje  é   Francisca   Júlia e  o  poema   lido  é Musa Impassível.
Francisca  Júlia nasceu  na  cidade de  Xiririca, atual  Eldorado  Paulista, no  estado de São Paulo, em   1874   e   morreu em   1920  na capital  paulista. Poetisa   ligada  ao  Parnasianismo  colaborou nos  jornais  Correio  Paulistano,  Diário  Popular, O  Álbum  e  a Semana. Em   1899, publicou  Livro da  Infância  destinado  às  escolas  públicas  de seu  estado; começava ali  uma   tentativa  de   literatura  destinada  às   crianças, o  que  praticamente não  existia. Em 1906, Francisca  abandonou a carreira literária e  partiu para Cabreúva, onde  vivia   sua   mãe.O  marido, Filadelfo,  faleceu  em  31 de outubro de  1920 e  Francisca, deprimida  pela perda suicidou-se na  manhã seguinte, ingerindo   uma  alta dose de  medicamentos.

Compartilhe! Divulgue!

Andréa Motta

Professora de Língua Portuguesa e Literatura. Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro.

Comentários

  1. Pelas leituras que tenho feito nesta vida docente que escolhi, Francisca Julia não foi exatamente A poetisa, assim como é o caso da gaúcha Delfina Benigna da Cunha, cuja primeira obra saiu em 1843, mas elas valem pelo caráter da precedência em uma sociedade marcadamente patriarcal.
    Gostei da ideia do resgate, afinal, na "academia" não se toca em nomes como Francisca Julia, então que dirá "entre os leigos"! Parabéns pela iniciativa.
    abçs 🙂