Estrutura das palavras – prefixos

5 2049

extraterrestre

Extraterreste

 

Os elementos  mórficos que  compõem  as  palavras da língua portuguesa são: radical, vogal temática,  desinências, afixos, vogais e consoantes de  ligação. No   texto de  hoje,  observaremos  os prefixos latinos e  gregos.

Os prefixos originam-se, em geral, de  advérbios ou preposições em  suas línguas de  origem. Alguns  passaram   por  modificações expressivas  até atingirem a   forma em que são conhecidos  na  língua portuguesa. Vejamos o que   nos  diz o  professor Celso  Cunha  na Nova Gramática do Português Contemporâneo:

[Os prefixos] são de origem   grega ou latina, embora normalmente  não sejam  sentidos como   tais. Alguns  sofrem  apreciáveis  alterações em  contato com a  vogal e, principalmente, com a  consoante inicial da palavra derivante.  Assim,  o  prefixo grego an- que indica “privação” (an-ônimo), assume a  forma a- antes de consoante (a-patia).

PREFIXO

A maioria dos prefixos  encontrados na  língua portuguesa é de origem  latina.  Eles podem apresentar-se  sob a  forma  erudita ou  popular como  acontece com super e sobresub e sob.

prefixo sentido exemplos
ab-, abs- afastamento, separação abster-se
ad-, a- aproximação, direção adjunto, abeirar
ambi- duplicidade ambidestro
ante- posição anterior antepor
bene-, ben-,bem- bem, muito bom benemérito
bis-bi- duas  vezes bisneto, bisavô, bípede
in-, im, i- negação inútil, ilegal
de-, des-,dis- movimento para baixo, afastamento, negação decapitar, desviar, desleal, discordar
extra- posição  exterior, superioridade extraterrestre, extraviar
in-, im-, i-, em- en movimento para dentro, posição interna imigrar, embarcar, enlatar

 

Há também, na língua  portuguesa, um número considerável de  prefixos gregos:

 

prefixos sentido exemplos
a- an- privação,  negação amoral, ateu, anarquia
ana- repetição, separação análise, anacrônico
anfi- duplicidade anfíbio
di- duas  vezes dígrafo
dia- através de diálogo
hemi- metade hemisfério
ex- ec- exo- movimento para fora êxodo, éctipo, exógeno
hiper- posição superior, excesso hipertensão

 

Leia também  no  blog:

Estrutura das palavras – radicais

 

Tagged with:
Andréa Motta

Professora de Língua Portuguesa e Literatura. Especialista em Teoria Literária pela UERJ. Mestranda em Estudos da Linguagem pela Universidade Federal Fluminense. Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro.

View all contributions by Andréa Motta

Website: http://conversadeportugues.com.br/sobre/

Similar articles

5 Comentários

  1. Ebner 30 de agosto de 2011 at 16:58

    que palavra significa “sem sensibilidade nenhuma” com prefixo a/an.

  2. wesley alexandre ferreira de souza 14 de maio de 2013 at 18:25

    legal muito interessante

    • Vitoria Ferreira Do Nascimento 22 de fevereiro de 2014 at 20:20

      e muito legal e interessante

  3. maria fernanda 24 de fevereiro de 2014 at 14:21

    e com o prefixo a

Não conseguiu comentar com a conta do Facebook? Comente aqui!

Professores na web

Propriedade

Protected by Copyscape Duplicate Content Penalty Protection

MyFreeCopyright.com Registered & Protected