ENEM 2015 – Questões comentadas: Neologismo

A série  ENEM – Questões  comentadas foi  criada no  blog  Conversa de Português em  2014 e consiste na  apresentação  das questões aplicadas no Exame Nacional do Ensino Médio e – a  partir da matriz de referência do  INEP –  a observação das competências  e habilidades correspondentes. A estrutura é a seguinte: apresentação da questão, competência e habilidade, gabarito oficial, comentário e link para estudos. Utilizo o caderno amarelo como referência  para o  gabarito. Nos  textos  anteriores, comentamos as  questões 99, 100,  107, 109, 110, 111 e 124, Hoje  comentamos  a  questão  119,  cujo  tema foi um dos  processos de  formação de palavras: o neologismo.

QUESTÃO 119

Texto I

Um ato  de criatividade pode gerar um modelo produtivo. Foi  o que  aconteceu  com a  palavra  sambódromo, criativamente formada  com a  terminação -(o)dromo (=corrida), que  figura  em  hipódromo,  autódromo, cartódromo, formas  que designam   itens culturais da alta  burguesia. Não demoraram a  circular, a  partir de  então, formas populares como  rangódromo, beijódromo, camelódromo.

AZEREDO, J. C. Gramática Houaiss da língua portuguesa. São Paulo: Publifolha, 2008

Texto  II

Existe coisa mais descabida do que chamar de sambódromo  uma  passarela para desfile de escolas de samba? Em grego, -dromo quer  dizer  “ação de correr, lugar de corrida”, daí  as  palavras autódromo e  hipódromo. É  certo que, às   vezes, durante  o desfile, a escola se  atrasa e é  obrigada a correr para não perder  pontos, mas  não se descoloca a velocidade de um cavalo  ou de  um carro de  Fórmula 1.

GULLAR, F. Disponível em: www1.folha.uol.com.br. Acesso em: 3 ago. 2012.

Há  nas línguas  mecanismos geradores de palavras. Embora o  texto  II apresente um julgamento de  valor sobre a formação da  palavra sambódromo, o processo de  formação dessa palavra  reflete

(A) o  dinamismo da  língua  na criação de novas palavras.

(B) uma nova realidade limitando o aparecimento de  novas palavras.

(C) a apropriação inadequada de mecanismos de  criação de palavras  por  leigos.

(D) o reconhecimento a impropriedade semântica dos neologismos.

(E)  a restrição na produção de novas  palavras com  o  radical  grego.

Gabarito oficial: A

Competência de área 8 – Compreender e usar a língua portuguesa como língua materna, geradora de significação e integradora da organização do mundo e da própria identidade.

H25 – Identificar, em textos de diferentes gêneros, as marcas linguísticas que singularizam as variedades linguísticas sociais, regionais e de registro.

H26 – Relacionar as variedades linguísticas a situações específicas de uso social.

H27 – Reconhecer os usos da norma padrão da língua portuguesa nas diferentes situações de comunicação.

Comentário:

 Neologismo  é o  processo em   que   novas  palavras  são criadas  na  língua ou  adquirem um  novo significado.  A  questão do  ENEM  contrapõe  dois   fatores: a evolução da  língua – reforçada pelo   texto  I –  e  a resistência a uma inovação  linguística –  representada pelo  texto  II.   A alternativa  A mostra ao  candidato  que,  independentemente  da  resistência de  um ou  outro   usuário da  língua,  a  evolução linguística  acontece e  é  um processo   normal  na   linguagem.

Aprofunde  os estudos:

Formação de palavras em slide

Linkou? Linkei!

Inventando palavras: neologismos

 

Andréa Motta

Professora de Língua Portuguesa e Literatura no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro. Professora voluntária de Língua Portuguesa e Redação no Pré-vestibular Comunitário Padre José Maurício Nunes Garcia.