Você está pronto para a nova ortografia?

A  ortografia da   língua  portuguesa foi alterada por   um acordo celebrado, em  1990, pelos  países  de  língua  portuguesa.  Após muito debate entre a  comunidade lusófona e  muitos decretos propondo o adiamento, finalmente o documento  entrará em  vigor;  a partir de   1  de  janeiro de  2016, a ortografia estabelecida  Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa será a  única  utilizada pelos países em  que  essa  língua  é a oficial.

Para  nós, brasileiros, a data  pode  passar  completamente despercebida,  visto  que aqui  o  período de  adaptação deveria  ter  sido concluído em  31 de  dezembro de 2012; um decreto  da   Presidência da  República,  no entanto,  adiou a implementação,  a fim de  que o  Brasil assumisse  a  nova  ortografia junto  com  Portugal,  que  ainda  não havia  acatado a  decisão da  CPLP (Comunidade dos  Países de  Língua  Portuguesa).

No  período  de   2009 a  2012, publiquei aqui  no blog uma   série de  artigos com o   propósito de  facilitar a adaptação dos  leitores  à  nova  ortografia.  Criei   uma série  intitulada  Acordo Ortográfico,  em  que analisei  as  vinte  e  uma  bases  que  compõem o texto do  Acordo;  no último texto,  disponibilizei um arquivo em  PDF com  as  mudanças  mais  significativas. Hoje,   publico uma  nova  versão do meu arquivo: ele  contém a história das  mudanças  ortográficas  ocorridas  em   nossa  língua  no  período de  1931 a  2012 e  as  dicas que já constavam  no primeiro material.

[sociallocker id=”14309″]

Arquivo hospedado no OneDrive

Para  baixar o material EXCLUSIVO deste blog,   clique na  imagem!  Arquivo em  PDF.

Você também pode  baixar no  Docs.com

[/sociallocker]

Se  você  gostou do  nosso vídeo e quiser baixar a apresentação em  Power Point,  é  só  clicar AQUI e fazer  download!

Se  não conseguir  visualizar  o  player que  acompanha este  texto, clique  AQUI. (A nova  ortografia da  língua  portuguesa)

Andréa Motta

Professora de Língua Portuguesa e Literatura no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro. Professora voluntária de Língua Portuguesa e Redação no Pré-vestibular Comunitário Padre José Maurício Nunes Garcia.